Autor de homicídio consumado é preso por ataear fogo em homem
Edson confessou o crime e disse ter despistado os policiais no dia do crime para sair do flagrante. Foto: PCMG.

Edson confessou o crime e disse ter despistado os policiais no dia do crime para sair do flagrante. Foto: PCMG.

Foi preso na data de ontem, 13 de novembro, o autor por homicídio consumado de João Vieira do Carmo, 54 anos.
Edson Lopes de Almeida, mais conhecido como Edinho, de 30 anos, ateou fogo na vítima no dia 28 de outubro, na rua XV de novembro, fato que chocou a cidade de Ubá.
De acordo com o Delegado responsável pelo caso, Dr. Rafael Gomes de Oliveira, o autor relatou como o fato ocorrera:
“Edson relatou que desferiu diversas pauladas e quando a vítima ficou desorientada, ateou fogo, ainda com vida. Com a chegada da Polícia Militar ao local do crime, o autor disse ter se passado por testemunha, visando confundir os policiais e escapar da prisão em flagrante, tendo dito que ele próprio havia acionado os policiais” explica.
Dr. Rafael também relatou que em data anterior a este fato, a vítima cometeu crime de homicídio ateando fogo contra sua ex-esposa. O Delegado responsável pelo caso alertou que apesar da coincidência, os fatos não tem ligação.
“Em depoimento prestado à polícia o autor confessou o crime e disse que executou João em razão de brigas e discussões anteriores”.
No dia 17/11, às 14h00, a Polícia Civil realizará a reconstituição do crime.
O suspeito foi conduzido até a Delegacia de Policia Civil de Ubá e após prestar depoimento foi encaminhado ao Presídio de Ubá.

ENTRE NA REDE FATO!