Revista Fato

menu Menu

Reformas sem dor de cabeça

Publicado por: , em 16/03/2020 - Categoria: ARQUITETURA E DESIGN

Tempo de leitura: 3 minutos

Quando se fala em reformas, seja residencial ou comercial, muitas pessoas associam a atividade ao estresse. De fato, é uma atividade em que podem surgir imprevistos, exige paciência, investimentos e principalmente bastante planejamento.

Por que reformar?

Reforma Studio de Beleza e Estética Nayara Moreira  Visconde do Rio Branco (MG)

São diversos os motivos que levam os proprietários investirem tempo e dinheiro nas obras, indo desde problemas estruturais, ampliação do imóvel e redividir os espaços para melhorar a funcionalidade, por exemplo. Mas o principal motivador que se observa atualmente é o desejo de modernizar o imóvel e com isto valorizar o mesmo para o setor imobiliário.

Assim como a moda, o setor da construção se renova com frequência e apresenta tendências em revestimentos, acabamentos e formas de morar que são um convite para repaginar a casa e torná-la mais bonita e confortável. Em imóveis comerciais, mesmo que alugados, é comum aquela repaginada em prol de uma imagem mais atrativa para os clientes.

Seja interna ou externamente, é visível a satisfação das pessoas ao verem aquela transformação!

Um dos pré-requisitos mais importantes para um projeto ser executado com perfeição, ou pelo menos o mínimo de dor de cabeça é o planejamento. Com a elaboração de um bom planejamento é possível diminuir a chance de imprevistos , desperdícios e despesas excessivas, além de possíveis retrabalhos.

O que devemos considerar em uma reforma?

PROJETOS

É no projeto arquitetônico que serão previstas todas alterações no layoute do imóvel. Quando se trata de acréscimo, é com o projeto arquitetônico que será possível regularizar a obra junto aos órgãos competentes. Além disso, é no projeto arquitetônico que serão especificados desde o modelo e quantidade de luminárias, até a escolha e quantidade de revestimentos, permitindo planejar conforme seu orçamento e evitando desperdícios. Após o projeto arquitetônico concluído é necessário compatibilizar o mesmo com o projeto estrutural, elétrico e hidráulico e no processo dos mesmos é de fundamental importância todos os profissionais envolvidos estarem em contato a fim de obter um resultado final satisfatório. É na compatibilização de projetos que devem ser previstas as possíveis interferências por exemplo, de se abrir uma nova janela no lugar onde passa um pilar existente por exemplo.

Reforma Residência R&W – Visconde do Rio Branco(MG)

 

 

 

 

 

MMONTE UM CRONOGRAMA E PLANEJE OS GASTOS

Com os projetos em mãos e compatibilizados , é possível pesquisar preço de materiais e orçar fornecedores e mão de obra que caiba no seu orçamento. Além disto, antes do início da obra vale reunir todos os envolvidos e questionar prazos e quais serão as ações em caso de intempéries.  Uma obra simples tem uma logística:

– Comece pela demolição e construção de novas paredes, entre com alterações elétricas, iluminação, forro de gesso, regularização do piso e marmoraria, instalação de luminárias, masseamento e primeira demão de pintura, finalização de acabamentos, marcenaria e retoques finais.

Reforma Residência R&C – Ubá(MG)

 

 

Além disso, o período para execução deve ser previsto. Se a obra é realizada em área externa deve-se evitar meses de chuva como na primavera e verão. Muitas lojas param de atender em meados de dezembro, por isto talvez seja necessário evitar uma reforma no final do ano ou prever este período no cronograma da obra.

A CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS PARA EXECUTAR

Atenção ao contratar! Procure com antecedência, dentro do cronograma estabelecido e busque referências. Um profissional capacitado e comprometido faz toda diferença e é o que vai garantir uma execução de qualidade e dentro do prazo.

ADVERSIDADES EXISTEM, MAS MUDAR É TRANSFORMADOR

Mesmo montando cronograma, os prazos para término da obra quando falamos em reforma, não são exatos porque situações inesperadas podem acontecer. Por exemplo, pode haver indisponibilidade de algum produto, falta de mão de obra ou mesmo algum imprevisto no imóvel, como um problema não aparente. Mas com certeza um planejamento bem feito e com bons profissionais envolvidos a chance de um resultado satisfatório é muito maior.

Reforma Consultório da Nutricionista Fernanda Soares Ubá(MG)

Gabriele Barros

Gabriele Barros é Arquiteta e Urbanista pela Universidade Federal de Viçosa (2009); Possui Mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Viçosa (2012); Atualmente atende em seu escritório Gabriele Barros Arquitetura & Interiores